Noticías

Hospital Universitário Cajuru reestrutura Setor de Hemodinâmica

Medida amplia atendimento a pacientes do Sistema Único de Saúde

O Hospital Universitário Cajuru reestruturou seu Setor de Hemodinâmica, o que possibilita ampliar o atendimento aos pacientes. A Hemodinâmica é a parte da Fisiologia que trata dos aspectos mecânicos da circulação sanguínea. Com técnicas minimamente invasivas, o Serviço de Hemodinâmica obtém dados funcionais e anatômicos que permitem diagnosticar eventuais alterações e realizar procedimentos terapêuticos em Neurologia, Cardiologia e Angiologia. Na sexta-feira (16), o padre Ademar Rover abençoou as novas instalações.

Inicialmente o Serviço de Hemodinâmica do Hospital Universitário Cajuru vai se concentrar na Neurologia: “O Hospital melhora seus processos e com isso consegue aumentar e melhorar o atendimento de usuários do SUS que precisam de procedimentos neurológicos de alta complexidade”, afirma o diretor do Hospital, Dr. Juliano Gasparetto. “Atendemos pacientes de urgência e emergência, que vêm encaminhados pelo Siate e pelo Samu, e também pacientes que vêm do Ambulatório”, explica Dr. Juliano.

Segundo a Coordenadora de Enfermagem do Centro Cirúrgico do Hospital, Lorena Pires, a estruturação do Setor de Hemodinâmica traz mais agilidade aos atendimentos, uma vez que esse serviço era prestado por fornecedores terceirizados do Hospital. “Podemos atender a um número maior de pacientes. Funcionamos 24 horas por dia, então fazemos exames e procedimentos no tempo que o paciente precisa, mesmo que seja à noite ou de madrugada”, conta.

O Setor reestruturado realiza procedimentos como Arteriografia, que detecta anomalias nos vasos sanguíneos cerebrais, inflamações, configurações anormais e obstruções vasculares no cérebro. A Rizotomia é outro procedimento realizado, em que há interrupção das funções dos nervos sensitivos da dor, temporária ou definitivamente e, também, a Embolização, tratamento endovascular de aneurismas intracranianos.


Compartilhe!